A tosse do seu filho não deixou você dormir?

Quem sabe um lambedor para tosse não possa ajudar?

Aprenda essa receita, mas aprenda também a ciência. Lambedores são a sinonímia tradicional para xaropes, frequentemente usados para combater a tosse.

Aqui no Nordeste, onde moro, todo mundo tem uma receita própria de lambedor, guardada a sete chaves, mas muitas vezes a forma de preparação compromete a disponibilidade das substâncias que desejamos.

Basicamente, consiste no uso de açúcar ou mel, juntamente com uma ou mais ervas (lembram do famoso 7 ervas?) ou hortaliças e frutas.

Há uma ciência nisso tudo. Então, antes da receita queria que você entendesse o que está por trás da sua receita infalível de lambedor.

Antes, queria dar algumas advertências:

– Tosse pode significar algo sério: antes do lambedor, consulta com seu pediatra.

– Em menores de um ano, não se deve usar mel de abelha, pelo risco de botulismo.

– Se a tosse não alivia e/ou se há dificuldade importante para respirar, é preciso ir para um pronto atendimento.

– É uma medida adjuvante e nada do que foi prescrito por seu pediatra deve ser suspenso sem falar antes com ele.

Qual a ciência por trás dos lambedores para tosse

Açúcar ou mel são usados porque, além de facilitar a aceitação, permitem a formação de um filme protetor nas vias aéreas inflamadas e irritadas pelo efeito da doença. Seria como a “capa que protege o fio”. Imagine o que acontece com um fio desencapado.

Além disso, o mel com própolis contem substâncias bactericidas e fungicidas, que podem evitar as complicações da infecções virais.

A grande maioria tem óleos essenciais e antioxidantes que regulam a reação inflamatória e diminuem a reatividade das vias aéreas. O método de utilização/extração faz toda a diferença.

Para não complicar, em relação às ervas, acho melhor usar as opções de fitoterápicos que já existem no mercado.

Um alerta importante: uma das ervas presentes no mercado na forma de xarope é a hedera helix, porém ela não deve ser usada por menores de dois anos de idade. Leia mais sobre isso clicando aqui.

O uso de hortaliças – no caso da nossa receita, cebola, cenoura e da beterraba – tem a ver com a presença de antioxidantes, que são reguladores da contração da musculatura brônquica.

Já os açúcares protegem as vias aéreas. Tal proteção se dá porque controlam a reação inflamatória e consequentemente os sintomas.

Na cebola, destaca-se a quercetina e os sulfuranos. Na cenoura, os carotenos e na beterraba a betaína e antocianinas (também estão na cebola roxa). Mas para seu melhor aproveitamento, devem ser usadas cruas.

OK, mas vamos então à receita!

Ingredientes

  • Beterraba (50g), Cebola-branca (20g), Cenoura (50g)
  • Açúcar mascavo ou branco: 200g ou Mel de abelhas (200ml), lembrando que mel de abelhas não deve ser usada por menores de um ano de idade!

Modo de preparar

  • Cortar em rodelas a beterraba, as cebolas e as cenouras.
  • Espalhar uma camada de açúcar  na superfície de um prato e colocar as rodelas por cima.
  • Seguir intercalando plantas e açúcar.
  • Deixar em ar ambiente (aqui chamamos de sereno), em um local protegido, coberto com uma peneira.
  • Na manhã seguinte, recolher, coar e guardar em recipiente adequado.

Modo de tomar

  • De 1 ano a 6 anos: 1 colher das de chá, 3x ao dia.
  • De 6 anos a 12 anos: 2 colheres das de chá, 3x ao dia.
  • Acima de 12 anos: 1 colher de sopa, 3x ao dia.

Modo de conservar

  • Conserve na geladeira, retirando o de consumir apenas para dois dias. Válido em geladeira por 30 dias.

Essa informação vale a pena compartilhar? Então compartilhem à vontade!


Receba seu ebook grátis

Receba grátis ebook do pediatra dr Flávio Melo com 27 textos sobre os temas mais atuais, como H1N1, Zika, Imunidade e alimentação. São 160 páginas de conhecimento sobre como cuidar bem de seus pequenos. Basta deixar seu e-mail e clicar em "Eu quero"

Dr Flávio Melo - pediatra

Sou médico pediatra há 11 anos, formado em Medicina pela Universidade Federal da Paraíba e Pediatria no Instituto de Medicina Integral Fernando Figueira (IMIP/Recife-PE). Enxergo que o futuro da prevenção na criança, passa por uma atuação nos hábitos familiares e estilo de vida, desde antes do casal engravidar.

23 comentários em “A tosse do seu filho não deixou você dormir?

  • 21 de junho de 2016 a 20:48
    Permalink

    Muito bom, Dr Flavio!
    Adoro suas publicações e tiro vároas dúvidas com elas.
    Pergunta: menores de 1 ano podem tomar?
    Obrigada!

    Responder
    • 21 de junho de 2016 a 22:20
      Permalink

      Para não confundir com a questão do mel, contraindicado para menores de 1 ano, não coloquei a informação. Mas entre 6 meses e 1 ano, feito com açúcar e fazendo 1/2 da dose de 1 ano, sem problemas.

      Responder
  • 21 de junho de 2016 a 20:55
    Permalink

    Boa noite Doutor!
    Uma dúvida, lá em cima no poste diz que o mel é para maiores de 1 ano e nos ingredientes diz que não deve ser usado por menores de 2 anos. Qual idade já pode dar?

    Responder
  • 21 de junho de 2016 a 22:15
    Permalink

    Tenho uma filha de 2 anos 3 meses ela tem uma tosse constante e nem me deixa dormir ..Levo no medico eles falam que ela não tem nada ..Mais a tosse dela piorra quando chega a noite ..Sabe me dizer se e mesmo tosse qualquer como diz o medico não e nada ……Obrigada

    Responder
  • 21 de junho de 2016 a 22:33
    Permalink

    Deixar no sereno significa deixar na rua ou pode ser dentro de casa mesmo? Pq aqui na minha região, ficar no sereno significa ficar na rua, digo, lugar ao ar livre sem proteção.

    Responder
  • 22 de junho de 2016 a 00:08
    Permalink

    Quanto tempo leva uma tosse para melhorar? Dias, semanas?

    Responder
  • 22 de junho de 2016 a 11:10
    Permalink

    Oi, Dr. se faço com o açúcar ao invés do Mel, de onde sai liquido? Obrigada

    Responder
  • 22 de junho de 2016 a 16:25
    Permalink

    Dr. por que xaropes contendo hedera helix não deve ser usado?
    o link que esta informando no texto nao esta funcionando.

    Responder
  • 22 de junho de 2016 a 17:19
    Permalink

    oi!
    Não consigo abrir o link que fala sobre o xarope de hedera helix.
    gostaria muito de saber .acredito que seja problema com o link mesmo.
    Obrigada.

    Responder
  • 27 de junho de 2016 a 09:58
    Permalink

    Bom dia Dr. Gostaria de saber o que fazer para a tosse do meu bebê ele só tem dois meses e meio posso usar essa receita ?

    Responder
  • 29 de junho de 2016 a 23:04
    Permalink

    Dr, meu filho tem tosse logo depois de um período com a renite atacada. O senhor já escreveu a respeito? Como ele se alimenta bem, penso ser do tempo seco aqui de Goiânia….não sei o q fazer…. é só a base de medicamentos mesmo? Obrigada!

    Responder
  • 21 de julho de 2017 a 11:05
    Permalink

    Olá Dr, fiquei em duvida sobre o forma fe conserva. Eu guardo na geladeira e retiro o que vou usar em dois dias e deixo fora dela?
    Obrigado

    Responder
  • 30 de setembro de 2017 a 14:18
    Permalink

    Ola Doutor,
    Desde que meu filho entrou na escola vem tendo resfriados ou crises alérgicas frequentes. Já ficou com secreção esverdeada no nariz por duas vezes desde o mês de agosto. Levo na emergência e receitam antibióticos com diagnóstico de sinusite. Enquanto ele está em tratamento fica bem mas ao acabar volta a tosse e a secreção no nariz. Esse lambe dor serve para esse caso?’Quem devo procurar otorrinolaringologista ou alegro lojista?

    Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *